Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

A chama olímpica, acesa na segunda-feira em uma cerimônia perturbada por manifestantes pro-Tibete, foi entregue nesta terça-feira (19) em Atenas aos organizadores dos Jogos de Inverno de Pequim-2022, antes de viajar à China.

O presidente do Comitê Olímpico Grego, Spyros Kapralos, entregou a chama ao vice-presidente do comitê organizador de Pequim-2022, Yu Zaiqing, que a introduziu em uma lamparina com as cores dos Jogos de 2022, em uma cerimônia organizada no Estádio Panathinaiko.

“A chama olímpica vai viajar até a Grande Muralha e por outras regiões da China, levando com ela a luz da paz e da amizade”, declarou Yu Zaiqing durante a cerimônia transmitida pelo Comitê Olímpico Internacional (COI).

“A China tem como ambição organizar Jogos seguros e esplêndidos”, acrescentou.

A chama olímpica deve chegar à China na quarta-feira às 10h00 (23H00 de Brasília, terça-feira).

jph/jr/psr/fp