Esportes

Ceni comanda treino e faz ajustes para manter São Paulo invicto na Sul-Americana

Rogério Ceni comandou, na manhã desta terça-feira, mais um treinamento no CT da Barra Funda, em preparação para o duelo de quinta-feira com o Jorge Wilstermann. Depois de vitórias nas duas primeiras rodadas, o treinador do São Paulo tem a missão de manter o São Paulo invicto na Sul-Americana para fechar o primeiro turno da fase de grupos com boa perspectiva de classificação.

O time são-paulino venceu o Ayacucho por 3 a 2, no Peru, e fez 2 a 0 sobre o Everton-CHI, no Morumbi. Após a partida contra o Jorge Wilstermann, em Cochabamba, restará apenas mais um jogo fora de casa, no Chile, onde a equipe paulista enfrenta o Everton. Então, as duas rodadas finais serão disputadas no Morumbi, contra Wilstermann e Ayacucho.


O São Paulo não vence desde o último jogo que disputou pela Sul-Americana, diante do Everton. Desde então, perdeu para o Flamengo e empatou com Juventude e Red Bull Bragantino, todos fora de casa. A sequência sem vencer motivou Ceni, que escalou um time alternativo nas rodadas anteriores do torneio continental, a buscar alguns ajustes no time durante o treinamento.

As atividades começaram com um 11 contra 11 em espaço reduzido, focado na troca de passes em velocidade, movimentação e duelos individuais. Para encerrar o treino, foi realizado um exercício de cruzamentos e finalizações. A preparação será encerrada na manhã de quarta-feira, horas antes de a delegação viajar para a Bolívia.

Durante o treinamento, Ceni não contou com a presença de Gabriel Neves. Isso porque o volante uruguaio sofreu um trauma no tornozelo direito durante a atividade do dia anterior e pode ser desfalque.

Uma possível escalação tem Tiago Volpi; Igor Vinicius, Arboleda, Miranda e Reinaldo; Luan, Pablo Maia, Talles Costa e Nikão; Rigoni e Luciano.