Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

Nesta semana, uma imagem de Gretchen chamou atenção pela abundância de pelos em seu tórax. Apesar de os comentários negativos, a cantora demonstrou não se importar com a característica, alegando ser sexy. Entretanto, esse fator não é natural, pois se trata de uma característica exclusiva do sexo masculino, segundo Ana Cristina Belsito, médica endocrinologista e chefe do serviço de endocrinologia do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP – RJ).

+ Saiba quanto custa e o que é preciso para ter o bumbum das famosas
+ Saiba tudo sobre fotodepilação, procedimento que remove pelos sem dor

À IstoÉ, a especialista comenta que o uso em demasia de hormônios masculinos, como a testosterona, com finalidades estética (ganho de massa muscular) e sexual (aumento da libido) pode ser a causa do excesso de pelos no peitoral de Gretchen

O implante hormonal, também conhecido como chip da beleza, e anabolizantes são uns dos principais métodos para tal efeito. Essas opções, entretanto, se diferem da reposição hormonal, tratamento comum entre mulheres na menopausa.

“Em uma dose baixa, satisfatória e específica, a reposição hormonal é saudável e ajuda repor o que a pessoa perdeu”, garante a médica. “O crescimento de pelo dessa forma é consequência da alta dose de testosterona. É o exagero que acaba resultando em características masculinas, porque é um excesso sem necessidade”, complementa.

+ 31 características de quem é de Gêmeos
+ Influenciadora filipina com tatuagens ‘demoníacas’ é obrigada a passar por exorcismo
+ Astrônomos indicam que passagem estranha da Bíblia pode ser verdadeira

+ Cirurgia íntima é reflexo da pressão estética? Tudo sobre o procedimento e suas consequências psicológicas

Além dos pelos, o uso de métodos ricos em testosterona também têm como consequências alteração da voz e hipertrofia do clitóris.