ISTOÉ Gente

Cauã Reymond faz cena de sexo com Matheus Nachtergaele e elogia: ‘Ele tem pegada’

Crédito: Reprodução/GNT

O filme Piedade foi lançado nacionalmente no último sábado, 23, durante o 52º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, e chamou atenção não só por mostrar uma história de especulação imobiliária no litoral do Recife, como também por exibir cenas de sexo entre Cauã Reymond e Matheus Nachtergaele.

Na obra, Matheus é o advogado de uma petroleira fictícia, a Petrogreen, e tenta convencer uma comunidade litorânea a sair de onde mora para a empresa construir um porto. Assim, ele se relaciona com o herdeiro de uma propriedade da região, que é o personagem de Cauã Reymond, para aumentar a influência sobre ele.

De acordo com o jornal Extra, os atores passam por dois momentos íntimos. No primeiro, ficam de rostos colados e respiração ofegante. No segundo, aparecem deitados e nus enquanto se beijam – sem nudez frontal.

Ainda de acordo com a publicação, Cauã falou, durante o festival, sobre o desejo em cena e revelou que Matheus é “um tubarão no filme”. “Ele tem pegada, em todos os aspectos, com todos os personagens”, afirmou.

Tópicos

cinema Piedade