Geral

Caso Henry: Juíza solicita imagens do trajeto feito por Jairinho no dia do crime

Crédito: Reprodução

A juíza Elizabeth Machado Louro, do II Tribunal do Júri, enviou um ofício para a empresa Rio Luz – responsável pela gestão das câmeras – no qual solicitou as imagens do trajeto feito pelo ex-vereador Jairo Souza Santos Júnior, conhecido como Jairinho, entre o condomínio Majestic e o Hospital Barra D’Or na madrugada de 8 de março deste ano. As informações são do iG.

Segundo a magistrada, as imagens capturadas no intervalo entre as 3h30 da madrugada até 10h da manhã do dia 8 têm como finalidade “instruir os autos da ação”, pois serão “verificadas as circunstâncias em que foi conduzido o veículo (velocidade presumida e eventuais infrações)”.


Na noite do crime, o ex-vereador conduziu o veículo Mercedes GLA preto ano 2016. Com ele levou a ex-namorada Monique Medeiros da Costa e Silva e o filho dela, Henry Borel Medeiros, até o Hospital Barra D’Or, onde foi constatado o óbito do garoto.

Em depoimento à polícia, as médicas responsáveis pelo atendimento prestado ao menino garantiram que ele chegou morto no hospital. O Instituto Médico Legal (IML) atestou que Henry sofreu hemorragia interna, apresentava hematomas, edemas e contusões.