Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Um casal de idosos foi encontrado morto a facadas em um apartamento no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Os corpos de Geraldo Pereira Coelho, de 73 anos, e Oselia da Silva Coelho, de 72, estavam no sofá-cama da residência. Eles foram encontrados na madrugada deste sábado (25) de madrugada. As informações são de O Globo.

O genro deles que teria cometido o crime, o oficial da Marinha Cristiano da Silva Lacerda, foi encontrado também ferido dentro da cama-baú do quarto do namorado e filho das vítimas, Felipe da Silva Coelho.

Ele foi preso em flagrante e está internado sob custódia no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, na mesma região. O caso, que teria sido motivado por ciúmes, está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da Capital (DHC).

Por volta de 00h55, policiais militares do 2º BPM (Botafogo) foram acionados para um suposto suicídio no apartamento 105 do prédio 92 da Rua Pio Correia. Ao chegar no local, os PMs apuraram que tratava-se de um duplo homicídio provocado por arma branca. De acordo com eles, Felipe estava no play no condomínio dizendo repetidamente: “Quero me matar, meus pais estão mortos no apartamento, tem mais gente em casa”.

No início dessa tarde, ele publicou uma foto nas redes sociais em que aparece com os pais. “Para sempre nos braços do Pai. Meus amores eternos. Nada vai apagar esse amor. Te amo, pai. Te amo, mãe”, escreveu.