Geral

Casal acusa restaurante de racismo em SP: “Nós saímos muito constrangidos”

Crédito: Reprodução/ TV Globo

Casal acusa restaurante de racismo em SP: "Nós saímos muito constrangidos" (Crédito: Reprodução/ TV Globo)


O casal Kléber de Souza e Janaína Coelho denunciou um restaurante em São Paulo (SP) por racismo. De acordo com o casal, na quarta-feira (19) eles foram ao fondue Hannover para comemorar o aniversário de Kléber, mas contaram terem sido tratados com descaso e ignorados mesmo tendo pago o rodízio com antecedência pela internet, no valor de R$ 237,60. As informações são do G1.

RJ: Jovem acusa casal de racismo após precisar provar ser o dono de bicicleta 

+Irmã de Gil do Vigor revela ter sofrido racismo em shopping

Vaia a jogadores que se ajoelharam mostra que racismo ainda é problema, diz Henderson

Conforme Kléber e Janaína, os problemas começaram quando eles chegaram ao restaurante. “Primeiro, o pedido que a gente fez foi pra gente sentar num local um do lado do outro. Aí já tivemos uma negativa bem afirmativa, sendo que a gente chegou cedo e o salão do restaurante estava vazio”, contou Kléber.

Já sentados no restaurante, Kléber conta que o casal era ignorado pelos funcionários. “Eu levantava a mão, acenava, pra ver se alguém vinha atender a gente e as pessoas não vinham. Não notavam a gente. Não davam atenção pra gente”, relatou.

À TV Globo, o casal afirmou ainda que ficou mais de 20 minutos esperando por atendimento. “Chegaram mais três ou quatro mesas depois de nós. E eles já estavam sendo atendidos, comendo. E nós, nem sequer uma água”, disse Janaína.

Os dois disseram que foram até uma mulher, que seria a gerente do local, e ela teria apenas se desculpado. Na sequência, o casal chamou a polícia e registrou boletim de ocorrência no 30º Distrito Policial do Tatuapé.

Investigação

A polícia vai apurar o caso e deve pedir imagens das câmeras de segurança do restaurante e ouvir funcionários. Após o episódio, o casal contou que foi para outro estabelecimento comemorar o aniversário de Kléber.

“Nós saímos muito constrangidos, tristes, nos sentindo humilhados. Porque, independente de raça e de cor, de como esteja vestido, se você entra num estabelecimento, acho que tem que ter o respeito e não pode ter ideia mal concebida. A gente tentou reverter, porque era aniversário dele ainda, mas nós estamos mexidos até agora com isso. Foi um dia muito reflexivo pra nós”, desabafou Janaína.

A reportagem da TV Globo foi até o restaurante na quinta-feira (20), mas nenhum responsável pelo local respondeu a equipe.


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua