Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

ROMA, 04 OUT (ANSA) -Faltando cinco corridas para o final da temporada da Fórmula 1, a Ferrari usará, a partir do Grande Prêmio do Japão, em Suzuka, uma nova pintura. A nova decoração da escuderia italiana faz parte de uma iniciativa de sua principal patrocinadora, a Philip Morris, que é uma produtora de tabaco e há décadas está ligada à Ferrari.   

Atualmente, devido às restrições ao tabagismo, o emblema da marca aparece discretamente no monoposto SF71H, mesmo com a grande relação que possui com a equipe de Maranello.   

Através dos vídeos e imagens divulgados pela Ferrari, pouco se sabe como ficará o visual do SF71H, no entanto, entende-se que a mudança não será para divulgar um novo produto da Philip Morris, mas sim, apresentar o início de um novo segmento de negócios da empresa, principalmente nas áreas da ciência e tecnologia.   

Quando renovou seu contrato com a Ferrari até 2021, no início do ano, a Philip Morris declarou que a empresa seria uma das principais plataformas para desenvolver cigarros eletrônicos, afastando a relação da marca com o tabagismo.   

Reta final da F1 – Com 50 pontos atrás de Lewis Hamilton, da Mercedes, o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, precisará não só depender dele mesmo, mas também da sorte para conseguir conquistar o mundial de pilotos de Fórmula 1 desta temporada.   

Para Hamilton vencer o campeonato, o britânico não precisa terminar em primeiro em nenhum dos últimos cinco GPs que ainda restam na temporada. O piloto da Mercedes aproveitou a má fase da Ferrari e venceu cinco das últimas seis corridas.   

“Não gosto do ‘agora ou nunca’, não vejo muito sentido. O segredo até agora era não contar, não sabia que faltavam cinco corridas. É minha pista favorita, não vou destruir o fim de semana pensando em coisas que prejudiquem meu desempenho”, disse Vettel.   

Nesta sexta-feira (4), serão realizados os dois primeiros treinos livres em Suzuka. Já no sábado (5), acontecerá a terceira sessão de treinos livres e a qualificação do grid. A corrida será disputada no domingo (6).(ANSA)