ISTOÉ Gente

Cantora que emocionou público no ‘Caldeirão do Huck’ morre aos 51 anos, vítima da Covid-19

Crédito: Reprodução

A cantora Silvania Maria de Jesus morreu aos 51 anos, vítima de complicações da Covid-19. Silvania ficou conhecida por encantar e emocionar milhares de pessoas no programa ‘Caldeirão do Huck‘, comandado por Luciano Huck, em 2012. As informações foram divulgadas pelo G1.


Silvania já foi produtora, atuava como corretora de imóveis e, também, era cantora de uma banda chamada ‘Pink’. A participação dela no Caldeirão foi no quadro ‘Lata Velha’. Na época, a equipe do programa reformou seu Escort XR3, usando a cor rosa em odo o veículo. No palco do programa, Silvania interpretou a cantora Madonna.

Natural do Rio Janeiro, ela morava há três anos na Praia Grande, no litoral paulista. Ainda segundo informações do G1, Silvania deixa três filhas.

Em entrevista ao portal, Luciana, irmã de Silvania, relata que a cantora começou a sentir os sintomas da Covid-19 no dia 3 de maio, sendo internada no dia 5. Poucos dias depois, foi transferida para a UTI, onde foi intubada.

De acordo com Luciana, a família teve que fazer um velório rápido, devido aos protocolos de prevenção à Covid-19, e manteve o caixão lacrado.