Cultura

Cantor R. Kelly é condenado por tráfico sexual de menores


O artista norte-americano R. Kelly foi condenado por um júri federal, nesta segunda-feira, 27, por tráfico sexual, no qual promotores acusaram o cantor de R&B de fazer uso de sua fama, por mais de 25 anos, para atrair mulheres e meninas menores de idade para o seu entorno com fins sexuais.

Jurados no tribunal federal do Brooklyn deliberaram por pouco mais de um dia, antes de votarem pela condenação de Kelly, de 54 anos, em todas as acusações que ele enfrentava, após um julgamento que durou 5 semanas e meia.

Kelly manteve sua cabeça abaixada enquanto o veredicto era lido, com seu rosto protegido por uma máscara branca. Uma mulher que assistia de uma sala de escuta chorou enquanto o veredicto era lido.

Deveraux Cannick, advogado de Kelly, disse a jornalistas do lado de fora do tribunal que a defesa estava “desapontada”. A audiência de sentença de Kelly foi marcada para o dia 4 de maio de 2022.

O cantor, cujo nome completo é Robert Sylvester Kelly, é uma das pessoas mais influentes julgadas por crimes sexuais depois do movimento #MeToo, que amplificou as acusações que o perseguiam desde o início dos anos 2000.

Saiba mais
+ Mãe de Medina compara Yasmin Brunet a ‘atriz pornô’ e colunista divulga conversa
+ Chamada de atriz pornô, Yasmin Brunet irá processar mãe de Gabriel Medina
+ Mulher divide marido com mãe e irmã mais nova: ‘Quando não estou no clima’
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio