Coronavírus

Califórnia libera mais 8.000 prisioneiros por temor do coronavírus

Califórnia libera mais 8.000 prisioneiros por temor do coronavírus

A prisão estadual de San Quentin - GETTY IMAGES NORTH AMERICA/AFP

A Califórnia vai libertar mais de 8.000 prisioneiros para reduzir a propagação do coronavírus de suas penitenciárias lotas, informaram as autoridades do estado americano, um dos mais afetados pela pandemia.

Os presos podem ser libertados no início de agosto e se uniriam a 10.000 prisioneiros que já foram liberados em iniciativas similares desde o início da crise do vírus, indicou o Departamento de Correção e Reabilitação da Califórnia.

“As ações são adotadas para proporcionar saúde e segurança à população e aos funcionários das prisões”, afirmou Ralph Diaz, secretário do departamento.

O anúncio, bem recebido pelos defensores da reforma penitenciária, acontece após um aumento de casos de Covid-19 em San Quentin, uma das penitenciárias mais antigas da Califórnia.

O governador Gavin Newsom afirmou na quinta-feira que o foco era uma “área de grande preocupação”, depois que mais de 1.000 detentos testaram positivo.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

As instalações de San Quentin tinha, esta semana metade dos casos de coronavírus ativos nas prisões de todo o estado, que tem população carcerária de quase 113.000 presos.

O comunicado de sexta-feira informa que os prisioneiros liberados, que incluem os de San Quentin, serão submetidos a exames de Covid-19 durante a semana seguinte à libertação.

A Califórnia, estado com a maior população dos Estados Unidos, com quase 40 milhões de habitantes, confirmou mais de 300.000 casos de coronavírus e mais de 6.800 mortes provocadas pela doença.

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?