Economia

Caixa passará a financiar custas cartoriais e ITBI no crédito habitacional

As famílias que tomarem crédito imobiliário com a Caixa Econômica Federal poderão incluir a partir de agora, no financiamento para compra da casa própria, as despesas cartoriais e com o Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI). Essa medida, que já vinha sendo testada desde abril em uma parcela dos novos contratos da Caixa, foi anunciada na manhã desta quinta-feira, 2, pelo banco, durante coletiva virtual de imprensa.

“A partir de hoje, passamos a financiar também as custas do cartório e do ITBI no crédito habitacional”, afirmou o vice-presidente de Habitação da Caixa, Jair Mahl.

Segundo ele, o custo médio para fazer o registro varia hoje no Brasil entre 2% e 5% do imóvel financiado, dependendo da região do País. É este o custo que poderá ser incluído no financiamento imobiliário. A novidade vale para novos contratos.

Conforme a Caixa, a medida permitirá que as famílias que fizerem financiamentos habitacionais deixem de pagar diretamente cerca de R$ 400 milhões por mês. Este é o valor que seria incorporado aos financiamentos.

Em um ano, a cifra seria de R$ 5 bilhões. Considerando que faltam seis meses para o fim de 2020, o valor seria de R$ 2,5 bilhões. “Isso demanda menos custo para as pessoas”, afirmou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães. “Você vai reduzir o gasto (direto com custas cartoriais e ITBI) e permite novas melhoras no próprio imóvel”, acrescentou.

De acordo com Guimarães, a incorporação de custos aos novos financiamentos também permite que, neste momento de crise, as famílias tenham maior espaço no orçamento.

A Caixa já vinha testando em abril o financiamento dos custos numa parcela dos contratos. Agora, a possibilidade estará aberta para todos os novos financiamentos imobiliários. “A Caixa é precursora nisso. Mas certamente outros bancos virão atrás”, pontuou Guimarães.

Veja também

+ Confira 4 dicas para descobrir se o mel é falsificado

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+ Vídeo do TikTok com mulher sendo empurrada de ônibus viraliza; veja

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar