Economia

Cade rejeita acordo para encerrar investigação de cartel no porto de Santos

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) rejeitou proposta de acordo para encerrar investigação de cartel no transporte de cargas no porto de Santos. No processo, são investigados a Associação Comercial dos Transportadores Autônomos (Acta) e o Sindicato dos Transportadores Rodoviários de Cargas a Granel (Sindgran), suspeitos de formar cartel e cobrar preços abusivos.

Nesse processo, os investigados levaram ao conselho uma proposta de Termo de Compromisso de Cessação (TCC) em que se comprometia a, por exemplo, pagar multa de R$ 50 mil cada para encerrar o processo.

A conselheira relatora, Cristiane Alkmin, votou contra a homologação do termo e foi seguida por todos os conselheiros. Ela afirmou que a proposta não atende as principais preocupações concorrenciais do caso, o montante oferecido como multa foi muito baixo e não há admissão de culpa por parte dos investigados. “A proposta não foi oportuna nem conveniente. Esse é um caso muito grave”, afirmou.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Após se aposentar da Globo, Sérgio Chapelin aparece com novo visual; veja
+ Nick Cordero morre aos 41 anos, vítima de complicações da Covid-19
+ Hamilton bateu de novo em Albon; veja memes da F1
+ Pandemia adia cirurgia e saúde de Schumacher piora
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior