Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) negou rediscutir o mérito da aprovação da fusão entre a Unidas e a Localiza, aprovada em dezembro do ano passado pelo Tribunal da autarquia. Nesta quarta-feira, os conselheiros analisaram embargos opostos pela ALD Automotive S.A..

A empresa alegou contradições na decisão do Cade, principalmente no acordo negociado entre órgão antitruste e as empresas para aprovar a operação.

De acordo com a relatora, conselheira Lenisa Prado, não há contradições na decisão do Cade.

O único ponto que mereceu ajuste na decisão, segundo a conselheira, foi o esclarecimento de dados sobre faixas de participação de mercado de Localiza e Unidas.