ISTOÉ 2016

Brasileira vence de virada e avança no Mundial Feminino de Boxe


A brasileira Andréia Bandeira começou bem sua participação no Mundial Feminino de Boxe Amador, que está sendo disputado em Astana, no Casaquistão. Ela conseguiu reverter derrota nos dois primeiros rounds diante da panamenha Atheyna Byion, venceu por decisão unânime dos árbitros e segue viva na briga por uma vaga nos Jogos Olímpicos do Rio na categoria até 75kg.

No entender dos três árbitros, Byion venceu o primeiro e o segundo rounds por 10 a 9. Os juízes, depois, avaliaram que a brasileira foi a melhor no terceiro e no quarto assaltos, também dando todos 10 a 9 para Bandeira. Para todos a luta terminou empatada por 38 a 38, mas os três entenderam que a brasileira venceu.

Como a panamenha era quinta cabeça da chave, Bandeira deve ter agora um caminho mais tranquilo até as quartas de final. Na próxima fase, ela encara Nien-Chin Chen, de Taiwan, que venceu Anamarija Masic, da Croácia.

Uma vitória nessa próxima luta deixa Andréia muito perto da Olimpíada. Se o confronto de quartas de final for contra a canadense Ariane Fortin-Brochu, quarta cabeça de chave, a vaga no Rio é certa. Se vencer, Bandeira chega à semifinal e se garante por méritos próprios. Se perder, Brochu, que já tem vaga, abre lugar no Rio-2016 para a terceira colocada do Pré-Olímpico das Américas, que foi exatamente a brasileira. O mesmo vale para a norte-americana Claresa Shields, primeira cabeça de chave e favorita ao título.

Na quinta-feira, na abertura do Mundial, Graziele de Jesus perdeu para a norte-americana Virginia Fuchs em combate válido pelo peso mosca (até 51kg). Agora ela torce para que a canadense Mandy Bujold e a colombiana Ingrit Valencia fiquem entre as quatro melhores em Astana, pois elas foram finalistas no Pré-Olímpico das Américas e já possuem vaga no Rio-2016. Graziele foi quarta naquela competição.


+ Mãe conta à polícia que ateou fogo e matou bebê por ‘vergonha’ de ter a gravidez descoberta
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Youtuber é perseguido por jacaré de três metros: veja vídeo



Adriana Araújo, da categoria até 60kg, com vaga garantida na Olimpíada, está de bye na primeira rodada e vai encarar a vencedora da luta entre a armênia Ashkhen Hovannisjan e a ucraniana Jullia Tsyplakova no próximo domingo. Nas demais categorias, que não são olímpicas, o Brasil não enviou representantes.

Veja também

+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS