Ediçao Da Semana

Nº 2743 - 19/08/22 Leia mais

A Seleção Brasileira goleou nesta quinta-feira a Coreia do Sul por 5 a 1 em Seul, em amistoso de preparação para a Copa do Mundo de 2022.

Richarlison, Neymar (2x), Philippe Coutinho e Gabriel Jesus fizeram os gols do Brasil no jogo, enquanto Ui-jo Hwang balançou as redes para os coreanos.

O time comandado pelo técnico Tite foi muito superior durante toda a partida, liderado no ataque por Neymar e com o lateral-esquerdo Alex Sandro como protagonista, ao participar dos três primeiros gols da Seleção com suas aparições pelo lado do campo.

O Brasil abriu o placar cedo, logo aos sete minutos, quando Alex Sandro entrou pela esquerda e passou para Fred, que bateu para o gol. Na pequena área, Richarlison desviou para o fundo da rede.

A Coreia se fechou na defesa para tentar surpreender com a velocidade de seus atacantes. Aos 12 minutos, o goleiro Weverton evitou o empate dos anfitriões ao defender um chute colocado da grande estrela coreana, Son Heung-Min.

Em vantagem no placar, o Brasil controlava a bola para buscar uma forma de criar perigo diante de uma zaga muito bem organizada.

– Coreia empata –

A Coreia chegou ao empate aos 31 minutos. Depois de uma boa jogada coletiva, Hwang Ui-jo recebeu dentro da área, girou na frente de Thiago Silva e bateu cruzado no canto direito de Weverton.

O empate acordou o Brasil, que novamente aumentou o ritmo. Seis minutos depois do gol, Alex Sandro cruzou e Richarlison finalizou de cabeça, obrigando o goleiro Gyum Kim a fazer boa defesa.

No rebote, a bola caiu nos pés do lateral brasileiro, que foi derrubado na área por Lee Yong. Alertado pelo VAR, o árbitro marcou pênalti, que Neymar, com toda tranquilidade, converteu.

A Seleção teve a chance de ampliar o marcador ainda antes do intervalo, com uma cabeçada de Thiago Silva que bateu no travessão.

No segundo tempo, o roteiro foi o mesmo, com o Brasil tomando a iniciativa com Neymar, Raphinha e Paquetá muito ativos no ataque.

– Mais um pênalti –

Aos 12 minutos, o VAR entrou mais uma vez em ação ao revisar lance em que Alex Sandro foi novamente derrubado na área para o árbitro marcar o segundo pênalti a favor do Brasil. De novo, Neymar bateu com categoria e fez o terceiro.

Com o jogo resolvido, Tite optou por mexer no time e teve sucesso em suas substituições, já que Philippe Coutinho e Gabriel Jesus conseguiram marcar depois de entrarem em campo.

Aos 30 minutos, Raphinha acertou a trave em um chute de fora da área. Pouco depois, Coutinho, em sua primeira aparição, aproveitou erro da defesa coreana e finalizou de primeira para marcar o quarto gol brasileiro.

Nos acréscimos, Gabriel Jesus fechou o placar depois de boa jogada individual pela direita, dando fim a um jejum de 19 jogos sem marcar pela Seleção.

O Brasil vai agora a Tóquio, onde na próxima segunda-feira enfrentará em mais um amistoso o Japão, que hoje goleou o Paraguai por 4 a 1 jogando no estádio Sapporo Dome, na capital da ilha de Hokkaido.

“Vamos enfrentar o Brasil a seguir e eles jogam em alto nível. Precisamos ver o que somos capazes de fazer contra eles”, disse o atacante japonês Takuma Asano, que abriu o placar na vitória sobre a seleção paraguaia.

Por sua vez, a Coreia do Sul fará mais três jogos para se preparar para o Mundial do Catar: contra Chile, Paraguai e Egito.

prb/dga/cb