Mundo

Brasil envia ventiladores pulmonares e máscaras à Itália

Brasil envia ventiladores pulmonares e máscaras à Itália

(Arquivo) Funcionária da Alitalia usando uma máscara e luvas de proteção para o coronavírus, atrás de um balcão no Aeroporto Internacional de Fiumicino, em Roma - AFP/Arquivos

ROMA, 23 MAR (ANSA) – O ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio, anunciou nesta segunda-feira (23) o envio de uma carga de ventiladores pulmonares e máscaras de proteção pelo Brasil.

Segundo o chanceler, os equipamentos serão destinados aos hospitais italianos e “a quem está lutando na linha de frente contra o vírus, especialmente no norte e na Lombardia”, região mais atingida pela pandemia.

Um dia antes, Di Maio havia dito no Twitter que o Brasil enviaria 2,5 milhões de máscaras de proteção à Itália, que tem enfrentado escassez de equipamentos médicos por causa do sobrecarregamento de seu sistema de saúde em função do crescimento vertiginoso de casos do novo coronavírus.

Até o momento, o país contabiliza quase 60 mil contágios e 5,5 mil mortes na pandemia. “Agradeço ao presidente Bolsonaro e a todo o governo brasileiro pela ótima colaboração. Brasil e Itália caminham de mãos dadas por um futuro melhor”, disse o deputado brasileiro do Parlamento italiano Luis Roberto Lorenzato. (ANSA)

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ O processo de formação como obra

+ Arte e algoritmo: Uma genealogia

+ Radicalmente vivo