Esportes

Bottas lidera dobradinha da Mercedes em treino livre para GP do 70º Aniversário

De contrato renovado com a Mercedes até o final de 2021, o finlandês Valtteri Bottas conseguiu nesta sexta-feira o melhor tempo na primeira sessão de treinos livres para o GP do Aniversário de 70 anos, a quinta etapa da temporada de 2020, no circuito de Silverstone, na Inglaterra. A categoria celebra neste fim de semana o septuagésimo aniversário do Mundial correndo na pista onde tudo começou, em maio de 1950.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Assim como aconteceu na semana passada no GP da Inglaterra, o domínio da Mercedes é notório. Bottas foi o mais rápido na primeira atividade do dia ao registrar 1min26s166 na melhor de suas 21 voltas, terminando a sessão com 0s138 de vantagem para o inglês Lewis Hamilton, que cravou 1min26s304.

Com novas unidades de potência, a Red Bull espera fazer frente à Mercedes. Nesta sexta-feira, o holandês Max Verstappen ficou em terceiro lugar com 1min26s893, mais de sete décimos de segundo atrás de Bottas. Quem teve bom desempenho foi o alemão Nico Hülkenberg, confirmado pela Racing Point depois que o mexicano Sergio Pérez foi descartado por seguir infectado pela covid-19. O experiente piloto finalizou na quarta colocação, 0s059 mais lento (1min26s942) na comparação com o tempo de Verstappen.

Entre os pilotos da Ferrari, mais uma vez o monegasco Charles Leclerc foi melhor que o alemão Sebastian Vettel. O primeiro ficou na quinta posição, com 1min27s062, enquanto que o tetracampeão mundial, que pode acertar com a Racing Point para a temporada de 2021, terminou no sétimo lugar. Entre eles apareceu o tailandês Alexander Albon, da Red Bull.

Companheiro de Hulkenberg na Racing Point, o canadense Lance Stroll finalizou a primeira sessão de treinos livres na oitava posição. O russo Daniil Kvyat, da AlphaTauri, e o francês Esteban Ocon, com a Renault, fecharam a lista dos 10 primeiros colocados.

Uma preocupação de quase todas as equipes foi com os pneus. Os pilotos começaram a reclamar da condição deles ainda na primeira metade da sessão. Todos os tempos marcados foram feitos com pneus macios, possivelmente para avaliar as condições do novo composto.

Após os problemas da semana passada, a Pirelli fez uma investigação e determinou que os furos foram causados por excesso de uso e a influência do alto “downforce”. Mas a fornecedora italiana optou por manter a escolha de pneus mais macios para este GP.

O segundo treino livre será disputado a partir das 11 horas (de Brasília) desta sexta-feira. No sábado, a sessão de classificação terá início às 10 horas. A largada do GP do 70.º Aniversário está agendada para as 10h10 de domingo.

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea