Esportes

Botafoguense, Rodrigo Maia critica venda do clube: ‘Entregaram de graça’

Crédito: Reprodução

O ex-presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia (DEM-RJ) não gostou nem um pouco da venda da operação do futebol do Botafogo à Eagle Holding. O acordo foi anunciado na última sexta-feira (24) pelo alvinegro carioca.

Torcedor do clube da estrela solitária, Maia considerou que o clube foi “entregue” e considerou o valor da venda “de graça”.


“Entregaram o Botafogo de graça. Usaram a operação do Cruzeiro para fingir que há um bom negócio pro Botafogo. Engano forte. Vender o clube para um comprador em dólar ou euro é fácil. Uma promoção do Black Friday”, postou o deputado.

Retornando para a divisão de elite do futebol brasileiros, o Botafogo teve 9 % das suas ações vendidas após o clube aprovar a criação do clube como Sociedade Anônima de Futebol (SAF). O custo da operação girou em torno de R$ 410 milhões.

Agora, o glorioso será gerido pelo empresário norte-americano John Textor, que também possui parte do clube inglês Crystal Palace.

Apesar de crítico, Rodrigo foi um dos parlamentares que alavancou a legislação do clube-empresa, projeto que foi aprovado em agosto deste ano.