Um dos destaques da oitava rodada do Campeonato Brasileiro será o clássico carioca entre Botafogo e Fluminense. Nesta terça-feira, às 20h, eles duelam no Engenhão, no Rio, em momentos distintos na competição nacional.

Na última rodada, o Botafogo superou o Corinthians fora de casa, por 1 a 0, e alcançou 13 pontos em terceiro lugar, atrás apenas de Flamengo e Bahia, ambos com 14. Em três jogos como mandante, soma duas vitórias e uma derrota.

Para se manter no G-4 e até dormir na liderança, o técnico Artur Jorge tem vários problemas. Isso porque o volante Danilo Barbosa está suspenso e o atacante Savarino foi convocado pela seleção da Venezuela. Eles se juntam ao lateral Marçal, ao meia Eduardo e ao atacante Jeffinho, que estão no departamento médico.

Com esse cenário, Gregore entra no meio-campo, mantendo a trinca de volantes ao lado de Marlon Freitas e Tchê Tchê. No ataque, Tiquinho Soares, que fez trabalhos para recondicionamento físico, deve ser titular ao lado de Luiz Henrique e Júnior Santos.

Artur Jorge valorizou a vitória, mas pede controle na expectativa. “Foi uma vitória importante para nós contra um rival difícil. Mas temos que ter equilíbrio e controlar as expectativas. Espero que possamos continuar evoluindo e ganhando para elevar o Botafogo em patamares que nos coloquem nas decisões.”

Já o momento do Fluminense não é tão bom no Campeonato Brasileiro. Há quatro jogos sem vencer, sendo duas derrotas e dois empates, tem seis pontos em 15º lugar. Entretanto, está invicto há quatro jogos, com três vitórias, contando ainda Copa do Brasil e Libertadores.

No clássico, o Fluminense também buscará seus primeiros pontos como visitante, já que perdeu as três partidas até agora: Bahia (2 a 1), Corinthians (3 a 0) e São Paulo (2 a 1).

O técnico Fernando Diniz, que retorna de suspensão, não poderá contar com o atacante Jhon Arias, que está com a seleção da Colômbia, e o zagueiro Felipe Melo, que deve ser preservado. O miolo defensivo terá Manoel e Marlon.

Por outro lado, Samuel Xavier retorna na lateral-direita e possibilita o avanço de Marquinhos para o ataque, embora Douglas Costa também seja opção. Além disso, o meia Lima também volta de suspensão e reforça a marcação no meio-campo ao lado de Martinelli e Paulo Henrique Ganso.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO X FLUMINENSE

BOTAFOGO – John; Damián Suárez, Halter, Bastos e Cuiabano; Marlon Freitas, Gregore e Tchê Tchê; Luiz Henrique, Tiquinho Soares e Júnior Santos. Técnico: Artur Jorge.

FLUMINENSE – Fábio; Samuel Xavier, Manoel, Marlon e Marcelo; Martinelli, Lima e Paulo Henrique Ganso; Marquinhos, Germán Cano e Keno. Técnico: Fernando Diniz.

ÁRBITRO – Flávio Rodrigues de Souza (SP).

HORÁRIO – 20h.

LOCAL – Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ).