Economia

Boris Johnson participará pessoalmente da negociação pós-brexit

Boris Johnson participará pessoalmente da negociação pós-brexit

Boris Johnson se juntará pessoalmente à equipe que negocia com a União Europia - UK PARLIAMENT/AFP/Arquivos

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson se juntará pessoalmente à equipe que negocia com a União Europeia, em uma tentativa de retirar as negociações pós-brexit do impasse antes do final de junho, anunciou o governo britânico nesta quarta-feira (27).

“Ambos os lados esperam que [essas negociações] ocorram no nível das lideranças. Por isso, sim, o primeiro-ministro participará”, disse o negociador-chefe britânico, David Frost, aos deputados.

A terceira rodada de negociações terminou em meados de maio com o bloqueio de vários pontos fundamentais, como as regras de concorrência e, em menor grau, o acesso às águas britânicas dos pesqueiros europeus.

Após um ano de caos político, bloqueios e adiamentos, o Reino Unido saiu oficialmente da UE em 31 de janeiro graças à esmagadora maioria obtida por Johnson nas legislativas de dezembro.

O país entrou então em um período de transição no qual continua cumprindo a maioria das normas europeias enquanto negocia com Bruxelas um acordo de livre comércio que rege sua futura relação comercial.

Esse período expira em 31 de dezembro. Pode ser prorrogado no máximo por dois anos, mas para isso Londres deve fazer a solicitação antes de 1 de julho.

No entanto, Johnson recusa outros adiamentos e, embora o prazo seja extremamente curto para fechar um acordo comercial antes do final do ano, insiste em fazer progressos em junho.

Frost reafirmou aos deputados nesta quarta-feira que o Reino Unido não tem intenção de pedir mais tempo.

“A política do governo é que não estenderemos o período de transição e, se nos pedirem, não aceitaremos”, afirmou.

Essas declarações ocorrem depois que o negociador-chefe europeu, Michel Barnier, se declara “aberto” a um adiamento em uma carta dirigida aos líderes dos partidos de oposição britânicos, que lhe haviam pedido uma prorrogação de dois anos do período de transição.

Veja também

+ Toyota Corolla Cross é SUV do Corolla para brigar com Jeep Compass e cia; confira imagens oficias
+ MasterChef estreia sem "supercampeão" e cheio de mudanças
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Coronel da PM diz que Bolsonaro é ‘falastrão’ e renuncia à entidade de Oficiais
+ Fundador da Ricardo Eletro e filha são presos em operação contra sonegação
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior