Agronegócio

Bolsonaro se irrita com questão de frete e termina conversa na saída do Alvorada


Brasília, 21 – O presidente da República, Jair Bolsonaro, negou-se a responder, nesta segunda-feira, 21, a demanda de um representante dos caminhoneiros que pediu reajuste do piso mínimo do valor do frete rodoviário. “É muita coisa para discutir contigo”, disse, irritado, encerrando conversa iniciada na saída do Palácio da Alvorada.

Antes, ao ser cobrado quais as propostas para atender a categoria, Bolsonaro repetiu que o “maior problema de vocês (caminhoneiros)” é o preço dos combustíveis e os tributos.

Segundo o presidente, o Congresso deve votar nesta semana projeto de lei complementar que altera a cobrança do ICMS sobre o combustível.

Proposta pelo governo em fevereiro diante de ameaças de greve de caminhoneiros, a medida transformaria o tributo estadual, atualmente cobrado como porcentual do preço do produto, em um valor nominal fixo comum em todos os Estados. Hoje, cada ente federativo tem autonomia de estabelecer sua própria alíquota.

O texto prevê ainda que a cobrança deixe de ser efetuada nos postos de combustível e passe para as refinarias, onde ocorre a produção. A ideia é evitar a bitributação, já que a aplicação do ICMS no ponto final da cadeia faz com que o imposto incida sobre outros tributos, como PIS e Cofins.

Saiba mais
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Mulher divide marido com mãe e irmã mais nova: ‘Quando não estou no clima’
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Mãe de Medina compara Yasmin Brunet a ‘atriz pornô’ e colunista divulga conversa
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio