Economia

Bolsonaro nega no Twitter que governo estuda volta do imposto sindical

Crédito: POOL/AFP/Arquivos

(Arquivo) O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, discursa no Seminário de Negócios Brasil-China em Pequim (Crédito: POOL/AFP/Arquivos)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou no final da noite desta segunda-feira, 9, no Twitter, que “não procede a notícia” de que o governo federal se prepara para a volta do imposto sindical. “O que existe na Câmara é a PEC 136 (de autoria de parlamentares), essa sim com o objetivo de criar, na Constituição, tal imposto”, tuitou Bolsonaro. Mais cedo, o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, havia sido enfático ao voltar a negar que o governo patrocinará qualquer projeto que proponha o retorno do imposto sindical.