Brasil

Bolsonaro desrespeita a lei e inaugura obra com seu nome

Crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro vai desrespeitar a lei 6.454, de 24 de outubro de 1977, que proíbe se dar nome de pessoas vivas a qualquer obra pública. É que o presidente estará nesta quarta-feira 14 em Parnaíba (PI) para inaugurar uma escola do Sesc (Serviço Social do Comércio) que levará seu nome. E escola Jair Messias Bolsonaro será uma das primeiras escolas com o ensino militarizado, conforme uma de suas propostas. Além da escola com seu nome, Bolsonaro inaugurará também uma avenida na cidade que levará o nome do ex-presidente João Batista Figueiredo, que governou o País de 1979 a 1985, durante o regime militar.

Durante a visita, Bolsonaro será recepcionado pelo atual prefeito de Parnaíba e ex-governador do Piauí, Francisco de Moraes Souza, o “Mão Santa”, que atualmente está no Solidariedade mas governou o estado pelo MDB. Ainda em Paranaíba Bolsonaro receberá o título de cidadão da cidade. O interessante é que o atual governador do Estado, Wellington Dias (PT), não irá à recepção do presidente. Só para lembrar, recentemente Bolsonaro disse que “de todos os governadores de Paraíba, o pior deles é o do Maranhão (Flávio Dino, do PCdoB)”. E isso irritou todos os governadores do Nordeste, incluindo o do Piauí.

Saiba mais
+ Mãe de Medina compara Yasmin Brunet a ‘atriz pornô’ e colunista divulga conversa
+ Chamada de atriz pornô, Yasmin Brunet irá processar mãe de Gabriel Medina
+ Mulher divide marido com mãe e irmã mais nova: ‘Quando não estou no clima’
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio

Tópicos

Bolsonaro