Geral

Bolsonaro afirma que tentará revogar lei de medidas contra a Covid-19

Crédito: Evaristo Sa/AFP

Nesta segunda-feira (06), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou à apoiadores que pretende revogar, por medida provisória, a lei 13.979/20, que estabelece medidas sanitárias que podem ser tomadas no enfrentamento à pandemia da Covid-19.

Os apoiadores do chefe do executivo agradeceram a posição de Bolsonaro. “Quem decidiu prorrogar foi o Supremo Tribunal Federal. Era para ter acabado em 2020”, disse Jair.


Mesmo com o fim do estado de calamidade pública em 31 de dezembro de 2020, o STF decidiu prorrogar a vigência das medidas sanitárias. Com a decisão, ficou a autorizada a realização de medidas como isolamento e quarentena, previstas na lei 13.979/20.