Geral

Bolsonaro acompanha desfile militar em Brasília

Bolsonaro acompanha desfile militar em Brasília

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) acompanhou na manhã desta terça-feira (10) o desfile militar com veículos blindados e outros armamentos das Forças Armadas que passou Praça dos Três Poderes. O evento ocorreu no mesmo dia em que a Câmara dos Deputados deve votar em plenário a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que institui o voto impresso.

Durante a passagem dos blindados, o presidente recebeu um convite para assistir, no próximo dia 16, a um treinamento anual da Marinha na cidade goiana de Formosa, a cerca de 80 km de Brasília. Segundo uma nota da Marinha, neste ano participarão do exercício também, pela primeira vez, o Exército e a Força Aérea.

Bolsonaro estava na rampa do Palácio do Planalto ao lado de diversos ministros, entre eles, o ministro da Defesa, Walter Braga Neto. Os representantes dos outros Poderes, como o presidente da Câmara, Arthur Lira  (PP-AL), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Luiz Fux, não foram vistos participando do ato no início desta manhã.

Repercussão negativa

A exibição dos veículos militares para a simples entrega de um convite provocou reações. Na segunda-feira (9), Lira afirmou que a realização do desfile no dia da deliberação do voto impresso é uma “trágica coincidência” e admitiu que pode haver um adiamento da votação.

Para o presidente da Câmara, a entrega pouco usual do convite “apimenta” o clima e dá margem a interpretações sobre possíveis intenções de pressionar o Congresso em dia de uma votação polêmica.

Já à noite, em outra nota, a Marinha afirmou que o desfile foi planejado antes da definição da data de votação da proposta e não tem relação com o tema. Ressaltou, ainda, que além de Bolsonaro, também serão convidadas outras autoridades, como o vice-presidente da República, ministros de Estado e os presidentes do Senado e da Câmara.

“Cabe destacar que essa entrega simbólica foi planejada antes da agenda para a votação da PEC 135/2019 no plenário da Câmara dos Deputados, não possuindo relação com a mesma, ou qualquer outro ato em curso nos Poderes da República”, diz a nota.

Apesar da operação ocorrer todos os anos e os presidentes serem convidados para assistir, não houve outros casos de desfiles de equipamentos militares na Praça dos Três Poderes para a entrega de convite.

* Com informações da Reuters


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ Andressa Urach pede dinheiro na internet: ‘Me ajudem a pagar a fatura do meu cartão’
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua