Economia

BoJ tenta conter especulação sobre aperto monetário em sumário de opiniões

A maioria dos dirigentes do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) argumentou contra uma reversão precoce do programa de estímulos monetários do banco central japonês, segundo sumário de opiniões divulgado pela instituição.

O documento, que foi elaborado a partir de opiniões coletadas na reunião de política monetária do BoJ dos últimos dias 15 e 16, mostra que as autoridades do BC japonês são, de modo geral, contrários à retirada de estímulos.

Nos últimos dias, cresceram rumores no Japão de que o BoJ estaria mais propenso a elevar juros, diante de sinais recentes de recuperação da inflação.

De acordo com dirigentes citados no sumário, porém, o (BoJ) não deve se apressar para agir, em meio a “incertezas externas”, e um “tempo considerável será necessário” antes que a instituição mude sua política monetária, uma vez que a inflação continua distante da meta oficial de 2%.

Pela política monetária atual, o BoJ mantém sua taxa de depósitos em -0,1%, tem o objetivo de manter o juro do bônus do governo japonês (JGB) de 10 anos em torno de zero e busca comprar cerca de 80 trilhões de ienes (US$ 726 bilhões) em JGBs anualmente. Fonte: Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

Tópicos

BoJ Japão sumário