Esportes

BMG apoia troca de cor da marca no uniforme do Galo, desde que sejam abertas 50 mil novas contas

O BMG quer uma troca com o torcedor: harmonização com o uniforme mudando o logo de laranja para preto, mas quer a abertura de 50 mil novas contas Meu Galo BMG

BMG apoia troca de cor da marca no uniforme do Galo, desde que sejam abertas 50 mil novas contas

Após receber pedidos para modificar do torcedor do Atlético-MG para mudar a cor do seu logotipo para preto e branco na camisa do alvinegro, o BMG quer fazer um “acordo” com o atleticano. Se forem abertas 50 mil contas digitais “Meu Galo BMG”, o banco, que é o patrocinador máster do time mineiro, irá harmonizar a sua logo com o uniforme alvinegro nas cores pretas e brancas. A marca do BMG é laranja.

A meta é conseguir as contas abertas até até 31 de julho. Como incentivo, o BMG oferece R$ 10 na conta dos novos correntistas e R$ 25 de voucher para adquirir uma camisa oficial do Galo, na loja da sede do Atlético, em Lourdes.

A contagem será feita em tempo real no site meugalobmg.com.br e a partir da nova campanha, o Galo passa a receber R$ 20 a cada conta aberta. Significa que quando a torcida atingir 50 mil novos correntistas, o clube ganhará R$ 1 milhão.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

A mesma estratégia foi tentada no Corinthians, que também tem o BMG como parceiro, mas o torcedor do Timão não comprou muito bem a ideia, gerando um buzz negativo nas redes sociais pela tentativa de “barganha”, que beneficiaria o banco.

O Meu Galo BMG foi lançado no ano passado para ser um modelo de patrocínio diferente em que há uma parte fixa para o clube e outra variável, como uma comissão com a abertura de novas contas.

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?