PUBLIEDITORIAL

Bitcoin ou Ethereum, quem ganha a corrida das criptos?

Bitcoin ou Ethereum, quem ganha a corrida das criptos?
Bitcoin ou Ethereum, quem ganha a corrida das criptos? (Crédito:Pixabay)

Bitcoin ou Ethereum, quem ganha a corrida das criptos? É grande a discussão sobre qual dessas duas criptos será a mais rentável de 2021. Em 2020 o troféu ficou com o Ethereum, que subiu 5,5 vezes ao passo que o Bitcoin subiu somente (atenção para o somente), 4 vezes.

Essa diferença parece pequena, mas não é. O Ethereum subiu 30% a mais do que o Bitcoin em 2020. Em 2021 a tendência continua, Bitcoin com aumento de 85%, ao passo que o Ethereum subiu 260%.

Segundo Gustavo Cunha, sócio da FinTrender, e autor do e-book sobre o futuro do dinheiro, as duas criptos são bastante diferentes. “ao passo que o Bitcoin pode ser entendido como um outro digital, o Ethereum é uma rede blockchain aberta com inúmeros casos de uso sendo testados”.

A rede da Ethereum está passando por uma mudança grande na sua governança e software para conseguir dar vazão a todos os casos de uso e ganhar escala de transação. Uma dessas mudanças implica na transformação do consenso da rede de um proof of work (pow) para um proof of stake (pos), que se bem-sucedida pode colocar a rede ethereum em um ótimo patamar.

Enquanto todas as atenções dos institucionais se voltam para o Bitcoin, a estrela da vez em termos de rentabilidade parece ser a segunda cripto com maior valor de mercado. A dúvida que fica é se continuará assim ou não.

Não fique por fora dessa discussão e saiba mais sobre o Futuro do Dinheiro baixando aqui o e-book grátis.