Economia

Biden: China lidera esforço por veículos elétricos, mas isso está prestes a mudar


O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, defendeu os investimentos feitos pelo seu governo para aumentar a fabricação de veículos elétricos no país, bem como aprimorar a infraestrutura necessária para dar suporte ao segmento. Nesta terça, durante pronunciamento após acordo com a provedora de estações de carregamento Tritium, o mandatário afirmou que a “China tem liderado os esforços neste setor, mas isso está prestes a mudar”.

Segundo Biden, os esforços em energia limpa e autossuficiência tecnológica de seu governo irão fazer com que os EUA voltem a superar a competição da indústria global, ao mesmo tempo em que cria novos empregos e combate as mudanças climáticas.

Entre as ações destacadas por Biden, estão os investimentos bilionários aprovados pela Câmara dos Representantes na semana passada que, dentre outras coisas, preveem mais incentivos para ajudar a trazer a fabricação avançada de semicondutores aos EUA.

De acordo com Biden, a fabricação doméstica de chips semicondutores – hoje concentrada em Taiwan – tem potencial para reduzir a inflação. Boa parte da alta recente nos preços ocorre pois há gargalos na fabricação de veículos e outros produtos que precisam de circuitos eletrônicos para funcionar, explicou o mandatário.

O presidente ainda destacou os feitos do seu primeiro ano de gestão no mercado de trabalho, que somou criação de 6,6 milhões de vagas em 2021, algo inédito nos EUA em apenas um ano, ressaltou.