Economia

Biden apresenta a republicana nova proposta para infraestrutura de US$ 1 tri


O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse à senadora Shelley Moore Capito (Republicanos, West Virginia) que quer US$ 1 trilhão em novos gastos na legislação de infraestrutura, de acordo com fontes informadas sobre o assunto. A proposta ainda deixa a Casa Branca distante dos congressistas Republicanos antes do prazo estipulado para as negociações avançarem.

Durante uma reunião na Casa Branca na quarta-feira à tarde com Shelley, Biden expôs sua proposta de US$ 1 trilhão e sinalizou que continua comprometido em pagar pelo plano com aumentos de tributos corporativos, disseram as fontes. Qualquer novo gasto viria além dos US$ 400 bilhões em gastos federais já projetados ao longo de cinco anos se programas atuais continuarem, disse uma das fontes.

Anteriormente, Biden havia proposto US$ 1,7 trilhão, também acima dos níveis básicos. O Congresso precisará definir novos gastos básicos até o fim deste ano fiscal.

Os Republicanos do Senado rejeitaram quaisquer novos tributos para pagar os gastos com infraestrutura, com alguns sugerindo tarifas de uso.

Além disso, o abismo de gastos entre o Partido Republicano e a Casa Branca é maior do que parece, já que as contrapropostas dos Republicanos incluem gastos projetados, enquanto as propostas da Casa Branca são adicionais aos gastos projetados.

Os Republicanos do Senado revelaram um plano na semana passada para gastar US$ 928 bilhões ao longo de oito anos para atualizar estradas, pontes, ferrovias e sistemas de trânsito. Essa oferta é um aumento em relação à proposta original de cinco anos do Partido Republicano de US$ 568 bilhões, mas apenas cerca de US$ 257 bilhões de sua última proposta estão acima dos níveis básicos, de acordo com os Republicanos.

Shelley e outros Republicanos do Senado que trabalham na discussão entre os partidos sobre a legislação de infraestrutura estão debatendo fazer uma contraproposta à Casa Branca na sexta-feira, quando Biden e Shelley planejam conversar novamente. O site Politico foi o primeiro a reportar sobre a oferta de Biden.

Oficiais do governo Biden disseram que as negociações de infraestrutura precisam mostrar uma direção clara em direção a um acordo quando o Congresso voltar do recesso em 7 de junho.

Outro grupo de legisladores, incluindo os senadores Mitt Romney (Republicanos, Utah) e Joe Manchin (Democratas, West Virginia) têm conduzido suas próprias discussões sobre infraestrutura, preparando um plano a ser divulgado caso as negociações entre os Republicanos e a Casa Branca fracassem.

Saiba mais
+ Mãe de Medina compara Yasmin Brunet a ‘atriz pornô’ e colunista divulga conversa
+ Chamada de atriz pornô, Yasmin Brunet irá processar mãe de Gabriel Medina
+ Mulher divide marido com mãe e irmã mais nova: ‘Quando não estou no clima’
+ Em pose sexy, Cleo Pires afirma: "Amando essa minha bunda grande"
+ Médicos encontram pedaço de cimento em coração de paciente durante cirurgia
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio