Economia

BCE prevê que zona do euro crescerá 1,2% em 2019 e 1,1% em 2020, diz Lagarde

A presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, disse hoje que a equipe da instituição prevê que o Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro crescerá 1,2% em 2019 e 1,1% em 2020, antes de ganhar força e avançar a um ritmo de 1,4% tanto em 2021 quanto em 2022.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Lagarde falou durante coletiva de imprensa que se seguiu à decisão do BCE mais cedo de manter sua política monetária inalterada.

Em relação às projeções de setembro, a previsão do PIB para 2020 foi ligeiramente revisado para baixo.

Para a inflação ao consumidor, Lagarde disse que o BCE prevê taxa de 1,2% este ano, que deverá desacelerar para 1,1% em 2020, antes de avançar para 1,4% em 2021 e 1,6% em 2022.

Em novembro, a taxa anual de inflação do bloco estava em 1%, segundo dados preliminares. A meta de inflação do BCE é de uma taxa ligeiramente inferior a 2%.

Veja também

+Cidadania divulga calendário de pagamentos da extensão do auxílio emergencial

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea