Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Aos 47 anos, Tadeu Schmidt vive um momento sem precedentes em sua carreira: é o novo apresentador do mais assistido reality show do País. O Big Brother Brasil, que começará sua nova edição em 17 de janeiro, entrou para a cultura da televisão brasileira após 20 anos no ar e é um gigante sucesso atualmente. Agora, Schmidt tem um grande poder em mãos e poderá marcar para sempre sua carreira ao tomar o lugar que já foi de Tiago Leifert e Pedro Bial.

Nascido em Natal, no dia 18 de julho de 1974, Emanuel Tadeu Bezerra Schmidt segue o mesmo trajeto dos apresentadores anteriores: veio de uma longa e consolidada carreira no jornalismo. Ele, que é irmão do jogador de basquete Oscar Schmidt e tio do atleta Bruno Schmidt, firmou sua presença na cobertura esportiva. Mas, antes de encontrar a sua verdadeira vocação, Tadeu quis ser jogador de vôlei como seu irmão. No entanto, aos 17 anos, foi cortado da seleção brasileira infanto-juvenil. Depois disso, resolveu então cursar faculdade de Comunicação em Brasília, local em que morava na época.

Sua primeira experiência com o jornalismo foi na RadioBrás, enquanto ainda era um estudante. Depois, passou um tempo na Rádio Nacional, até conseguir uma vaga na extinta TV Nacional. Por lá, ficou durante um ano e teve um contato inicial com o trabalho de repórter.

Em 1997, entrou para a TV Globo Brasília e, três anos depois, passou a fazer parte da equipe de Esporte da emissora no Rio de Janeiro. Atuou como repórter e apresentador em telejornais e programas como ‘Esporte Espetacular’, ‘Globo Esporte’, ‘Jornal Nacional’ e ‘Bom Dia Brasil’, e participou da cobertura de grandes eventos, como Jogos Olímpicos, Copas do Mundo e Fórmula 1.

Na vida pessoal, Tadeu é casado com Ana Cristina Schmidt desde 2000. O casal possui duas filhas: Valentina, de 19 anos, e Laura, de 17.

Carreira no ‘Fantástico’

Tadeu chegou ao ‘Fantástico’ em 2007 e fez verdadeira história com seu jeito leve e bem humorado de fazer jornalismo. Ele teve a responsabilidade de criar um novo formato para os gols da rodada até assumir definitivamente como âncora do programa em 2011.

Ao longo de 14 anos no programa, criou quadros como “Bola cheia, bola murcha”, “Detetive Virtual” e os famosos cavalinhos, que começaram digitais, depois em formato de fantoches. Tadeu também criou a tradição de jogadores que fazem três gols na mesma partida ganham o direito de pedir música no programa.

Agora, em sua nova empreitada no Big Brother Brasil 2022, seu salário será de aproximadamente R$ 1,5 milhão mensais, um valor histórico. O anúncio de que seria apresentador do BBB aconteceu em outubro de 2021, na época ele disse: “Eu estou muito feliz e orgulhoso por ter sido convidado para essa missão. O BBB é um máximo! É uma honra enorme fazer o mesmo trabalho que foi feito por Tiago Leifert e Pedro Bial, dois dos maiores talentos da história da televisão brasileira. E logo quando o programa completa 20 anos. Eu só quero agradecer”, disse.