Brasil

BB adota medidas para suspender publicidade em sites de fake news


Após o Tribunal de Contas da União ter determinado a suspensão de publicidade do Banco do Brasil de determinados sites, blogs, portais e redes sociais que veiculam fake news, o banco informa ter adotado “as medidas necessárias”, tendo apresentado recurso na segunda-feira, 8.

A medida cautelar, de 27 de maio, relatada pelo ministro Bruno Dantas, excepcionou sites vinculados a concessionárias de radiodifusão e os relativos a jornais e revistas que existem há mais de dez anos.

Segundo o TCU, o objetivo é evitar a monetarização indevida de sites, blogs, portais e redes sociais que notoriamente veiculam fake news.

O Banco do Brasil havia explicado anteriormente que a publicidade é adquirida de ferramentas de mídia.

+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça

Veja também
+ Sabrina Sato mostra corpo musculoso em clique na floresta
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago