Esportes

Bayern não exerce opção de compra e deve devolver Coutinho ao Barcelona

O meia Philippe Coutinho deverá deixar o Bayern de Munique ao fim da temporada 2019/2020 do futebol europeu. Nesta sexta-feira, o clube revelou não ter exercido a opção de compra do jogador junto ao Barcelona, que emprestou o brasileiro ao time alemão por um ano.

Os direitos de Philippe Coutinho estavam fixados em 120 milhões de euros (aproximadamente R$ 724 milhões). O presidente do Bayern, Karl-Heinz Rummenigge, confirmou que o clube decidiu não comprar o brasileiro, mas não descartou a possibilidade de fechar algum acordo para mantê-lo no elenco do time alemão para a próxima temporada.

“A opção já expirou e não a executamos. Agora temos que concluir o planejamento do elenco para a próxima temporada e veremos se o jogador ainda pode ter um papel a desempenhar conosco ou não”, afirmou o dirigente em entrevista ao site da revista alemã Der Spiegel.

O Campeonato Alemão foi retomado na semana passada, após cerca de dois meses paralisado, mas Philippe Coutinho segue afastado dos gramados por estar em recuperação de uma cirurgia no tornozelo direito. Até então, o meia brasileiro, de 27 anos, havia entrado em campo 32 vezes pelo Bayern por diferentes competições, com oito gols marcados.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ O processo de formação como obra

+ Arte e algoritmo: Uma genealogia

+ Radicalmente vivo