Geral

Barragem no Espírito Santo corre risco de rompimento, afirma prefeitura de Alegre

Crédito: ?Reprodução/ Instagram/ @capixabadagema

Forte chuva no Espirito Santo elevou risco de rompimento da barragem em Alegre (Crédito: ?Reprodução/ Instagram/ @capixabadagema)

A prefeitura de Alegre, no Espírito Santo, informou que a barragem da PCH Francisco Grós, administrada pela empresa Statkraft, corre risco de rompimento e alertou para que a população da comunidade de São João do Norte, que vive próxima à Usina Hidrelétrica Francisco Gross, sai de casa e procure local seguro.

O estado de emergência para a situação da barragem foi emitido neste sábado (25), após as fortes chuvas que atingiram a região. “A empresa recomenda que os moradores das proximidades não voltem para suas residências”, informou a prefeitura.

Nesta segunda-feira (27), a empresa deve fazer uma inspeção por terra para avaliar a situação da barragem. “A companhia tem como princípio e valor prezar pela segurança das pessoas e continuará a auxiliar os órgãos reguladores até que a situação se normalize”, informou a empresa por meio de nota divulgada pela prefeitura de Alegre.

A prefeitura também alertou os moradores da região de Rive e Santa Angélica para o risco de desabamento de residências. “A estrutura das casas está comprometida devido ao impacto das cheias do Rio Itapemirim, o solo está se comportando de maneira instável”, informou a prefeitura.

“A Defesa Civil de Alegre, recomenda que os moradores, permaneçam em local seguro, e que os proprietários não tentem entrar nas casas interditadas pelo órgão, por conta do risco.”