Esportes

Band negocia compra dos direitos da Sul-Americana após desistência da RedeTV!

Emissora conta com boa relação com a Conmebol para fechar negócio

Band negocia compra dos direitos da Sul-Americana após desistência da RedeTV!

A Band está negociando mais uma possível novidade para o seu catálogo esportivo. Depois da desistência da RedeTV!, a emissora assumiu as negociações com a Conmebol para adquirir os direitos da Copa Sul-Americana na TV aberta, segundo informa o “UOL”.

Um trunfo da emissora na negociação é a boa relação com a Conmebol, já que as partes fecharam uma parceria na criação do canal por pay-per-view da Conmebol TV no Brasil, que exibe a Copa Libertadores. Por isso, a entidade estaria disposta a reduzir o valor para a emissora paulista.

As negociações, segundo o site, já estariam em estágio avançado e perto de um final feliz. A ideia é a exibição de um jogo por rodada, e a exposição na TV aberta agrada as partes envolvidas.

Até o momento, Vasco e Bahia são os representantes brasileiros na competição, mas o São Paulo, que não vive boa fase na Libertadores e tem chances reduzidas de se classificar para as oitavas, agrada o canal paulista.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Vídeo do TikTok com mulher sendo empurrada de ônibus viraliza; veja

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar