Economia

Bancos britânicos poderiam sustentar economia nacional em caso de Brexit desordenado

Crédito: AFP/Arquivos

(Arquivo) Vista do Banco da Inglaterra (Crédito: AFP/Arquivos)

Os bancos britânicos estão preparados para sustentar a economia nacional em caso de um Brexit “desordenado”, afirmou nesta terça-feira o Banco da Inglaterra (Boe) ao divulgar os resultados dos testes de resistência.

Os sete principais bancos do país – Barclays, HSBC, RBS, Lloyds Banking Group, Nationwide, Santander UK e Standard Chartered – foram submetidos ao teste com resultados positivos, de acordo com o BoE, o banco central do Reino Unido.

Estes bancos poderão seguir estimulando a economia, inclusive no caso de um Brexit “desordenado”, destacou o BoE.

De todo modo, o banco central considerou que os sete bancos devem aumenter em conjunto suas reservas de capital em 6 bilhões de libras (8 bilhões de dólares) para a proteção de uma grande crise.

Os testes de resistência englobaram uma “ampla gama de riscos macroeconômicos britânicos que poderiam associar-se ao Brexit”, explica um comunicado do Comitê de Política Financeira (FPC) do BoE.

“Como resultado, o FPC considera que o sistema bancáro britânico poderia seguir dando apoio à economia real em um Brexit desordenado”.

Mas o presidente do BoE, Mark Carney, advertiu em uma entrevista coletiva que este tipo de saída da União Europeia “não interessa a ninguém” e que teria “um impacto econômico nas residências e empresas”.

“Não é um bom cenário”, insistiu Carney. “É o (cenário) que estamos trabalhando para evitar porque teria custos econômicos materiais. Mas o sistema financeiro poderia seguir operando através do mesmo”.

Ao mesmo tempo, o BoE advertiu que se o Brexit coincidisse com o uma recessão mundial, o golpe econômico seria “mais severo” do que antecipam os testes de resistência.

jbo-rfj-al.zm/fp

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ Esqueça o 7 a 1: idade do seu cão pode ser muito maior do que você imagina
+ Receitas fáceis com abóbora: saiba como preparar cada tipo
+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Cantora Patricia Marx se assume lésbica aos 46 anos de idade
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior