Esportes

Bahia joga mal, perde no Peru e sai atrás na Copa Sul-Americana

O Bahia não fez um bom jogo na noite desta quinta-feira. O time brasileiro saiu atrás na disputa da segunda fase da Copa Sul-Americana ao perder para o modesto Melgar, do Peru, pelo placar de 1 a 0, com gol contra de Nino Paraíba, no estádio Nacional.

Com o resultado, o Bahia terá que vencer por dois gols de diferença para avançar de forma direta. Caso vença por 1 a 0, o confronto será definido nos pênaltis. O Melgar, por outro lado, pode perder por um gol de diferença desde que faça gol. O jogo acontecerá na quinta-feira da próxima semana, às 21h30, na Arena Fonte nova.

O Bahia custou a entrar na partida durante o primeiro tempo. O time de Mano Menezes aceitou facilmente a marcação do Melgar e pouco criou. O time peruano foi perigoso. Aos dez minutos, Amoroso aproveitou o erro de Gregore, na saída de bola, e soltou o pé. Douglas fez a defesa. O time brasileiro quase se complicou, logo depois, em uma atrapalhada entre o goleiro e o zagueiro Lucas Fonseca, a bola foi para fora.

Com um time tecnicamente melhor do que o Melgar, o Bahia foi equilibrando as ações e enfim conseguiu chegar com perigo. Juninho Capixaba fez grande jogada pela esquerda e cruzou. Gilberto viu a bola passar e chegar em Rossi. O atacante jogou pela linha de fundo. Mas foi só. Com extrema dificuldade em fazer a infiltração, o time baiano não conseguiu pressionar e ficou sem tirar o zero do placar.

O panorama do segundo tempo não foi muito diferente. O Melgar tinha mais liberdade, ainda mais pelas laterais do campo, e continuou ameaçando. Na tentativa de Joel Sánchez, após passar fácil por Elias, a bola ficou na defesa de Douglas. Assim como no primeiro tempo, o time brasileiro errou muito e pouco chegou ao setor ofensivo nos minutos iniciais.

O jogo começou a ficar aberto e franco. Daniel acionou Juninho Capixaba, que deu passe açucarado para Saldanha. O atacante chutou por cima. A resposta foi imediata e mais eficaz. Aos 34 minutos, Elias perdeu a bola e a viu ficar com Amoroso. Ele passou como quis por Élber, invadiu a área e chutou. Nino Paraíba tentou cortar e marcou contra.

O Bahia “acordou” após o gol e saiu em busca do empate. Elias recebeu de Juninho Capixaba e viu Fuentes impedir o gol. O Melgar se segurou como pôde e conseguiu confirmar grande triunfo nesta quinta-feira.

FICHA TÉCNICA:

MELGAR 1 x 0 BAHIA

MELGAR – Cáceda; Pellerano, Ibáñez (Neyra), Deneumostier (Fuentes) e Reyna; Tandazo (Dani Cabrera), Míguez, Joel Sánchez, Amoroso e Vidales (Arakaki); Arce. Técnico: Marco Valência.

BAHIA – Douglas Friedrich; Ernando (Nino Paraíba), Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Ramon (Daniel), Gregore e Elias; Rossi, Gilberto (Saldanha) e Clayson (Élber). Técnico: Mano Menezes.

GOL – Nino Paraíba (contra), aos 34 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Neyra (Melgar); Daniel e Gregore (Bahia).

ÁRBITRO – Carlos Betancur (COL).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Nacional, em Lima, no Peru.

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel