Economia

B3 e CVM abrem semana do investidor e comemoram crescimento de pessoas físicas

O presidente da B3, Gilson Finkelsztain, disse que o desenvolvimento econômico e social passa pelo planejamento financeiro e que o papel da bolsa é “ser uma avenida que une emissores e investidores”, destacou, na abertura do World Investor Week, organizado pela Iosco (International Organization of Securities Commissions) e envolvendo 85 países. O Brasil é um dos 30 países que abriu o pregão de nesta segunda-feira, 30, com o toque de sino, em comemoração.

“É uma jornada longa em busca por produtos eficientes para os investidores”, afirmou o executivo.

Ele destacou que apenas no último ano o número de investidores pessoas físicas na bolsa de valores cresceu mais de 70%, para cerca de 1,3 milhão de CPFs. No Tesouro Direto são mais 1,2 milhão e em produtos com ativos bancários, caso dos CDBs, são mais de 5 milhões.

Já o presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), Marcelo Barbosa, disse que educação financeira faz parte da desenvolvimento da cidadania, o que vem sendo evidenciado com o crescimento do mercado de varejo no Brasil. “Educação financeira também envolve identificar os bons investimentos para cada investidor e ao mesmo tempo como se defender em situações em que seja necessário. É uma agenda de longo prazo”, afirmou.

Nesta semana no Brasil serão mais de cem eventos, sendo que no ano passado foram 50.