Mundo

Avião russo com 162 passageiros evacuado por fumaça e odor estranho a bordo

Avião russo com 162 passageiros evacuado por fumaça e odor estranho a bordo

(Arquivo) Um Boeing 777 da empresa russa Nordwind Airlines, no aeroporto de La Guaira, em Caracas - AFP/Arquivos

Um avião russo com 162 passageiros a bordo foi evacuado nesta sexta-feira e dois deles hospitalizados devido à presença de um cheiro estranho e fumaça, informaram a companhia aérea e o aeroporto.

O voo, operado pela empresa russa Nordwind Airlines com destino à Armênia, foi cancelado devido a um “cheiro estranho” a bordo do Boeing 737, segundo a companhia.

A tripulação usou os tobogãs de emergência para evacuar os passageiros, dos quais 11 eram crianças.

O aeroporto internacional Sheremetievo, em Moscou, citando o comandante do voo, observou a presença de fumaça na cabine, mas não oriunda de um incêndio.

Cinco passageiros tiveram que receber ajuda médica e dois foram hospitalizados, segundo a mesma fonte.

Em maio, 41 pessoas morreram no pouso de emergência e no incêndio em Sheremetievo de uma aeronave Superjet 100, a primeira aeronave projetada pela Rússia pós-soviética.

As investigações indicaram que o piloto automático estava fora de serviço por provável erro dos pilotos.