Comportamento

Autoridades italianas apreendem barco humanitário ‘Mare Jonio’

Autoridades italianas apreendem barco humanitário ‘Mare Jonio’

(Arquivo) Imigrantes resgatados pela ONG Proactiva Open Arms perto da ilha italiana de Lampedusa, em 20 de agosto de 2019 - LOCALTEAM/AFP

Fretado pela ONG italiana Mediterranea Saving Humans, o navio humanitário “Mare Jonio” foi apreendido pelas autoridades da Itália – informaram fontes próximas ao Ministério do Interior.

A embarcação ancorada perto da ilha de Lampedusa havia resgatado 98 pessoas na costa da Líbia: 67 (mulheres, crianças e enfermos) desembarcaram na Itália.

Nas redes sociais, a ONG anunciou que o barco havia entrado em águas territoriais italianas “com a autorização formal da Guarda Costeira” e que o que aconteceu foi a “última vingança dos que não toleram que o humanismo possa prevalecer”.

O ministro demissionário do Interior, o ultradireitista Matteo Salvini, assinou um decreto que reforçou o arsenal repressivo contra as embarcações que ajudam migrantes.