Esportes

Australiano que cometeu massacre na Nova Zelândia levado a tribunal

O autor do ataque contra duas mesquitas na Nova Zelândia, que matou 49 pessoas, foi identificado como Brenton Tarrant, um australiano de 28 anos, levado na manhã deste sábado a um tribunal de Christchurch, cidade onde ocorreu o massacre.

Algemado e vestido com uma camiseta de presidiário, o militante de extrema direita ouviu impassível as acusações contra ele, não solicitou fiança e permanecerá na prisão até a próxima audiência, marcada para o dia 5 de abril.

bur-arb/lr