Mundo

Atriz pornô que teria tido caso com Trump é presa nos EUA

COLUMBUS, 12 JUL (ANSA) – A atriz pornô norte-americana Stormy Daniels, que diz ter mantido uma relação com o presidente Donald Trump em 2006, foi presa em uma boate de striptease Ohio, na noite de ontem (11). De acordo com o advogado da atriz, Michael Avenatti, ela foi detida por supostamente ter deixado que um cliente a tocasse enquanto estava no palco, o que violaria a lei local que proíbe que qualquer cidadão que não seja um membro da família toque, mesmo que sem intenção sexual, em uma bailarina nua ou seminua.   

“Isso foi uma armação com motivações políticas. Isso cheia a desespero. Vamos lutar contra as acusações falsas”, afirmou. Daniels, nome artístico de Stephanie Clifford, pede na Justiça a anulação de um acordo assinado em 2016 pelo qual recebeu US$ 130 mil para manter silêncio sobre a relação que teria com Trump em 2006. (ANSA)