ISTOÉ Gente

Atriz de ‘High School Musical’ exibe tatuagem ousada na lateral do seio

Uma das principais atrizes do filme ‘High School Musical’, Vanessa Hudgens usou as redes sociais para exibir sua mais nova tatuagem, um girassol na lateral do seio.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

No filme ‘High School Musical’, Vanessa Hudgens interpretou a personagem Gabriella Montez. Ela formou par romântico com Zac Efron, que se chamava Troy Bolton. Além dos filmes infantis, ela também conta com outros longas em seu currículo, como ‘A Fera, ‘Sangue no Gelo’, ‘Em Busca de Um Lar’, entre outros.

Veja também:
Vanessa Hudgens fala sobre vazamento de fotos íntimas: ‘traumatizante’
Vanessa Hudgens revela que emagreceu com dieta à base de bacon

Vanessa está com 31 anos e está vivendo uma fase nova de sua vida, após o relacionamento de dez anos com Austin Butler ter chegado ao fim, e ela tem mostrado muito amor-próprio em seus últimos posts nas redes sociais.

Confira o post da tatuagem da atriz abaixo:

 

 

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea