Esportes

Atlético-MG só pensa em vitória contra o Fluminense para seguir vivo por título

O Atlético Mineiro não tem outra coisa a fazer se não derrotar o Fluminense, nesta segunda-feira, às 20 horas, no estádio Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ), pela 24.ª rodada, se ainda quiser pensar no título do Campeonato Brasileiro. Com 42 pontos, o time alvinegro não quer deixar os concorrentes Palmeiras e Flamengo abrirem vantagem na tabela de classificação.

Enquanto o meia argentino Dátolo pediu para não ser chamado, Junior Urso e Victor estão de volta ao time alvinegro. O goleiro ficou de fora dos três últimos jogos (Ponte Preta, pela Copa do Brasil, Grêmio e Vitória, pelo Brasileirão) por conta de dores nas costas e um edema na coxa direita. Já o volante volta ao time após quase um mês, recuperado de um edema na coxa esquerda.

Já o meia Dátolo pediu para permanecer em Belo Horizonte para realizar trabalho de fortalecimento muscular. O argentino passa por recuperação de uma série de lesões e não atua há mais de dois meses com a camisa do Atlético.

Para a partida, o time alvinegro terá a volta do zagueiro Leonardo Silva, que cumpriu suspensão na última rodada, formando dupla de zaga com Edcarlos. Da mesma forma, a equipe terá o retorno dos estrangeiros que atuaram pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018: o meia venezuelano Otero e o atacante argentino Lucas Pratto. O único desfalque atleticano será Clayton, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Veja também

+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel