Esportes

Atlético-MG recebe Avaí disposto a voltar à briga pela liderança do Brasileirão

Focado na liderança do Brasileirão, o Atlético-MG volta a campo neste domingo para mais um importante desafio. Em jogo válido pela oitava rodada, o time mineiro recebe o Avaí, no Mineirão, em Belo Horizonte, às 19h. O adversário busca a reabilitação após duas derrotas seguidas para continuar na parte de cima da tabela.



+ 31 características de quem é de Gêmeos
+ Vídeo: Russos correm desesperados após drone ucraniano jogar bomba em trincheira
+ Astrônomos indicam que passagem estranha da Bíblia pode ser verdadeira

Atualmente, o Atlético-MG aparece na quarta colocação, com 12 pontos. O Corinthians abriu a rodada na liderança, com 14. Em sete jogos, são três vitórias, três empates e apenas uma derrota. Do outro lado, o Avaí soma dez pontos e tenta acabar com um jejum de vitórias fora de casa que já dura mais de seis meses.

Para o duelo, o Atlético-MG terá que lidar com a baixa do lateral-esquerdo Guilherme Arana, que foi convocado pela seleção brasileira para os próximos amistosos e já está em Seul, capital da Coreia do Sul. No treino de sexta-feira, o técnico Antonio Mohamed deu a entender que dará a chance para o jovem Rubens começar jogando na ala.

O lateral Dodô, que está totalmente recuperado de uma lesão no menisco do joelho após dois meses entregue ao departamento médico, deve ser relacionado e pode ser mais uma opção para o setor. Por outro lado, o time mineiro teve um reforço de última hora. O zagueiro Júnior Alonso, que havia sido convocado pelo Paraguai também para os amistosos da data Fifa, pediu dispensa da seleção e seguirá em Minas Gerais. Ele alegou que sua seleção nacional não irá disputar a Copa do Mundo e, por isso, não havia motivo para deixar o seu clube neste momento. O também defensor Diego Godín, por sua vez, só irá se apresentar ao selecionado do Uruguai após este duelo no Mineirão.

Do outro lado, o técnico Eduardo Barroca contará com três ‘reforços’ para armar o time titular do Avaí. O zagueiro Bressan e o atacante Muriqui foram liberados pelos médicos, treinaram normalmente e voltam a ficar à disposição. O defensor, inclusive, tem tudo para começar jogando.

Além disso, o atacante Bissoli, ausente contra o Athletico-PR por motivos contratuais, já que pertence ao clube paranaense, está de volta e irá formar trio de ataque com Morato e William Pottker. Por outro lado, o volante Bruno Silva está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão.