Esportes

Athletico-PR recebe Avaí de olho em decisão de classificação na Libertadores

Não é fácil, mas o Athletico-PR precisa deixar um pouco de lado a Copa Libertadores e buscar a reabilitação no Campeonato Brasileiro neste domingo, quando recebe o Avaí, às 19 horas, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela sétima rodada.

Sem conseguir emplacar uma sequência de bons resultados, o Athletico-PR tem seis pontos e luta contra o rebaixamento. O problema é que o time tem uma verdadeira decisão na próxima quinta-feira, contra o Caracas-VEN, pela Libertadores.


Na vice-liderança do Grupo B, com os mesmos sete pontos que o líder Libertad-PAR, o Athletico-PR recebe o Caracas-VEN na última rodada dependendo apenas de si para chegar nas oitavas de final. Até por isso existe a possibilidade de o técnico Luiz Felipe Scolari preservar alguns jogadores.

“Claro que, de um jogo para o outro, o estudo faz com que a gente inicie com um ou outro jogador diferente. Veja que 75%, 80% do grupo foi mantido do Fluminense para esse. Para o jogo contra o Avaí, vamos fazer essa avaliação”, disse Scolari após a vitória sobre o Libertad-PAR, por 2 a 0, na última quarta-feira.

Depois de perder os 100% de aproveitamento na Ressacada ao levar 2 a 1 do Juventude, o Avaí busca sua primeira vitória como visitante no Brasileirão para não perder os líderes de vista. O time tem dez pontos e está no meio da tabela de classificação.

O problema é que o técnico Eduardo Barroca acumula desfalques importantes. O zagueiro Bressan e o atacante Muriqui estão no departamento médico, enquanto o também atacante Basolli fica de fora por questão contratual, já que pertence ao Athletico-PR. Rodrigo Ferreira, Dentinho e William Pottker devem ser os respectivos substitutos.

“Eu tenho total tranquilidade de quem vai entrar sabe exatamente o que vai fazer, porque eu procuro trabalhar todo mundo da mesma forma. Tenho convicção de quem vai entrar vai performar bem, pois vem treinando bem e tem a minha confiança”, disse Barroca.