Mundo

Ataque suicida contra candidato afegão deixa oito mortos

Ataque suicida contra candidato afegão deixa oito mortos

Este foi segundo ataque suicida contra candidato parlamentar desde que a campanha começou, em 28 de setembro - AFP/Arquivos

Um homem-bomba mirou nesta terça-feira contra um candidato eleitoral no Afeganistão e matou pelo menos oito pessoas, informara as autoridades, dias antes da votação parlamentar que os militantes prometeram perturbar.

Outras 10 pessoas ficaram feridas quando o agressor se explodiu dentro do escritório de campanha de Saleh Mohammad Asikzai na cidade de Lashkar Gah, no sul do país, disse o porta-voz do governo provincial de Helmand, Omar Zhwak, à AFP. Asikzai está entre os feridos, acrescentou Zhwak.

O porta-voz da polícia provincial, Salam Afghan, confirmou o ataque. “Estamos investigando”, disse ele. Não houve reivindicação imediata de responsabilidade pelo ataque, mas Helmand é um reduto do Talibã.

Ainda não se sabe quantas pessoas estavam dentro da sala no momento da explosão, que acontece um dia depois de o Talibã ter advertido os candidatos a desistirem da eleição “falsa” marcada para 20 de outubro.

Este foi o segundo ataque suicida contra um candidato parlamentar desde que a campanha começou oficialmente em 28 de setembro.