Comportamento

Ataque com soda cáustica deixa várias crianças feridas na China

Ataque com soda cáustica deixa várias crianças feridas na China

(Arquivo) Familiares acendem velas durante uma vigília no local de um ataque de faca que deixou duas crianças mortas em Xangai em 2018. Ataques contra crianças não são incomuns na China - AFP/Arquivos

Mais de 50 pessoas, em sua maioria crianças, ficaram feridas em uma escola na China em um ataque com soda cáustica contra alunos e professores.

A agressão aconteceu na tarde de segunda-feira na cidade de Kaiyuan, na província de Yunnan, anunciaram as autoridades na rede social Weibo.

A prefeitura informou que um suspeito de 23 anos escalou o muro da escola e jogou soda cáustica nas vítimas.

Três professores e 53 crianças foram hospitalizados. Duas pessoas têm “sintomas graves”, mas estão fora de perigo, informaram as autoridades locais.

De acordo com a prefeitura, o comportamento do suspeito, identificado apenas como Kong, foi motivado pelo divórcio dos pais, que provocou um “desequilíbrio psicológico”.

A China já registrou outros ataques similares contra escolas. Em novembro de 2018 um homem de 20 anos matou um estudante em uma escola politécnica, também na província de Yunnan.